14 de abril de 2024
DestaqueGeral

Prefeitura de Santa Cruz apura responsáveis pelo esquecimento de criança em ônibus escolar




A Prefeitura de Santa Cruz do Rio Pardo abriu processo administrativo para apurar  as responsabilidades sobre o esquecimento de uma estudante de 4 anos dentro de um ônibus escolar do município. O fato ocorreu na manhã do dia 8 de fevereiro. A menina junto com outros estudantes estava sendo transportada para o Centro Educacional Infanto Juvenil Professor Wilson Gonçalves, no bairro Nagib Queiroz, mas por motivo a ser apurado não desembarcou na escola. Ela teria dormido no ônibus e levada até a garagem da Prefeitura. Seu choro foi ouvido por uma funcionária que retirou a garota do ônibus e comunicou seus superiores e os pais.

O processo administrativo foi publicado no Semanário Oficial do Municípios do dia 24 de fevereiro, na portaria número 95. Uma comissão processante vai apurar os responsáveis pelo esquecimento e eventual aplicação de penalidades. A investigação vai utilizar matérias publicadas em órgãos da imprensa de Santa Cruz e região, um pen drive com imagens gravadas da garagem da Prefeitura, além de outros elementos. Os trabalhos têm prazo de 90 dias, prorrogáveis por igual período, para serem concluídos

Leia trecho da portaria:

CONSIDERANDO que para aplicação de eventual penalidade legal se faz necessária a apuração dos fatos, assegurando o contraditório e ampla defesa; Art. 1º. Fica instaurado Processo Administrativo, para apuração de
responsabilidades quanto a fato ocorrido no dia 08 de fevereiro de 2024, com a aluna B., matriculada no Centro Educacional Infanto Juvenil Prof. ´´Wilson Gonçalves´´. Conforme informações, no período da manhã, a aluna estava junto com outras crianças sendo transportados de ônibus com destino ao Centro Educacional Infanto Juvenil Prof. ´´Wilson Gonçalves´´ e em determinado momento a criança B.N.C., teria adormecido, ficando deitada no banco do ônibus, fato não observado pelos servidores L e A. Assim, o motorista guardou o ônibus no Departamento de Frotas do Município, com a criança ainda dormindo, sem que o mesmo tivesse observado a presença da criança dentro do veículo, e se ausentou do local. A servidora lotada no Departamento de Frotas, ouviu uma criança chorando e foi até o ônibus para verificar o que estava acontecendo, assim observou a criança chorando dentro do ônibus. Como o veículo estava trancado, a servidora conseguiu retirar a criança pela janela e em seguida fez contato com o Diretor de Transporte que se dirigiu até o local junto com a Chefe de Orientação Pedagógica e após contato
com a criança, a levaram ao Centro Educacional Infanto Juvenil Prof. ´´Wilson Gonçalves´´, local onde fica até meio dia.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *