20 de abril de 2024
DestaqueSaúde

Dengue avança para 17 casos em Santa Cruz; Centro e Eldorado são os mais atingidos

No período de uma semana os casos de dengue em Santa Cruz do Rio Pardo mais que triplicaram, passando de 5 notificados na quinta-feira (25) para 17 nesta quarta-feira (31). Os bairros mais atingidos são o Centro com 3 registros e o Jardim Eldorado, com 2. No entanto há casos pipocando por toda a cidade. Os bairros Califórnia, Eleodoro, Brasília, Jardim Fátima, Morada do Sol, Pacaembu, Ponte Nova, Santa Aureliana, Santana, Vila Saul e Vila Sidéria possuem uma notificação positiva cada. O distrito de Caporanga também tem uma confirmação. Outras 25 análises aguaram resultado e 27 exames deram negativo. 

A Prefeitura de Santa Cruz do Rio Pardo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, iniciou segunda-feira, 29, as ações de nebulização contra a dengue no bairro Eldorado, o mais atingido até então. Nenhuma ação específica ou mais contendente de combate e controle ao mosquito haviam sido anunciada até a tarde desta quarta-feira (31).

Regularmente, os agentes de combate às endemias realizam inspeções em residências, depósitos, terrenos baldios e estabelecimentos comerciais. A nebulização é parte dos esforços da Secretaria Municipal de Saúde a fim de combater os criadouros do mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão da dengue, Zika, Chikungunya e febre amarela.

O inseticida elimina os mosquitos adultos e age apenas no momento da aplicação, portanto, a eliminação de condições favoráveis à proliferação do Aedes aegypti, através da eliminação da água parada, ainda é a melhor forma de combater a dengue, por isso a importância de realizar inspeções semanais em quintais, eliminando qualquer objeto que possa acumular água.

A melhor forma de combater a dengue é impedir a reprodução do mosquito. Foto: Arte/EBC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *