19 de abril de 2024
Agro

Greening: Governo de SP reforça necessidade de fiscalização do comércio de mudas

Em consonância com os esforços do Governo do Estado de São Paulo para conter o avanço do Greening – doença que atinge todos os cítricos e ameaça a citricultura -, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA), por meio da Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA), intensificou as ações de combate ao comércio de mudas irregulares de citros. Nos dias 8 e 9 de novembro, foram retiradas de circulação 9 mil mudas de citros irregulares que estavam armazenadas em Herculândia, no oeste do Estado.

Na ocasião, foram feitas coletas de amostras para diagnóstico nas mudas e no último dia 14, a CDA recebeu a confirmação da presença da bactéria Candidatus Liberibacter asiaticus, causadora do Greening, nas amostras das mudas destruídas. Foi identificada também a presença de Xanthomonas citri supbs. citri, bactéria que causa o Cancro Cítrico.

“As ações da Defesa Agropecuária são importantes para retirar esse tipo de material de circulação, mas é fundamental que a população entenda que adquirir mudas que foram produzidas sem acompanhamento fitossanitário coloca em risco toda a citricultura paulista”, afirma Marlon Peres da Silva, engenheiro agrônomo e diretor do Centro de Defesa Sanitária Vegetal (CDSV).

A legislação em vigor estabelece medidas de defesa sanitária vegetal para coibir o comércio ambulante de mudas em São Paulo em decorrência dos graves danos econômicos às lavouras e pomares comerciais que a prática ocasiona.

Do Governo do Estado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *