14 de abril de 2024
Geral

Campanha Papai Noel dos Correios prorrogada até dia 20; faça uma criança feliz

A Campanha Papai Noel dos Correios foi prorrogada até 20 de dezembro. Até agora, 237 mil cartas foram recebidas em todo o país, sendo 134 mil adotadas. Com a prorrogação, a meta é atingir 100% de adoção. O Papai Noel dos Correios está há 34 anos disponibilizando cartas com pedidos de crianças que cursam do 1º ao 5º ano do ensino fundamental de escolas da rede pública e de instituições parceiras.

As crianças com até 10 anos de idade em situação de vulnerabilidade social e que não tiveram a ação em suas escolas, podem enviar suas cartinhas pelo Blog do Noel ou entregar nas agências participantes. Empresas interessadas em participar podem contatar os Correios pelo papainoelnacional@correios.com.br.

COMO PARTICIPAR?

Ser padrinho ou madrinha de uma ou mais crianças é muito fácil. É só retirar uma cartinha em uma unidade dos Correios participante da ação ou acessar o Blog Noel, na internet. Mas se você prefere adotar de forma online, é só acessar o site e clicar em “Adoção On-line”. Em seguida, selecione o estado e município e as cartinhas disponíveis irão aparecer na tela.

Escolheu aquela história que mais te comoveu? Então é hora de comprar o presente e levar aos pontos de coleta da sua cidade. Os presentes precisam estar identificados com as informações da cartinha. E fique atento às datas da Campanha da sua cidade. No Blog Noel você encontra todas as informações.

Também são disponibilizadas para adoção as cartas enviadas por crianças da sociedade com até 10 anos de idade em situação de vulnerabilidade social.

A campanha começou quando carteiros, que não sabiam o que fazer com as cartas enviadas pelas crianças ao Papai Noel, decidiram atender os pedidos. Com o passar do tempo, a empresa criou um programa corporativo para disponibilizar as cartas para adoção por suas empregadas e seus empregados e por toda a sociedade. Desde o início da campanha, mais de 6 milhões de crianças tiveram seus pedidos atendidos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *